Região

Região

O Avanço das Obras na Ottokar Doerffel e os Impactos no Trânsito e Transporte Coletivo em Joinville

Com previsão de conclusão até o dia 7 de janeiro, o trevo de acesso à Rua Marajó ficará totalmente interditado durante esse período.

Durante o processo, serão realizadas escavações para a instalação das caixas que abrigarão as redes de iluminação pública, energia elétrica, telecomunicações, além das tubulações de água e estruturação viária. Em caso de chuvas, existe a possibilidade de ampliação no prazo das obras.

Especificamente no trevo de acesso à Rua Marajó, a caixa terá dimensões de 4 metros de largura por 2 metros de comprimento, exigindo uma escavação de 3 metros de profundidade. Em outros pontos, as caixas serão menores, mas igualmente demandarão trabalho integrado para a passagem das redes.

Para minimizar impactos no trânsito, a Prefeitura de Joinville realizou alterações temporárias entre os dias 2 e 7 de janeiro. Motoristas no sentido Centro/BR-101 devem acessar a rua Borba Gato, seguindo até a Rua Otto Parucker (Marquês de Olinda), com opções para Zona Norte, Sul ou continuação da Ottokar Doerffel. Vale ressaltar que algumas vias têm trânsito restrito a moradores, comércios e veículos locais.

O transporte coletivo também sofreu ajustes temporários, com nove linhas alterando seus trajetos. Usuários dessas linhas podem consultar informações detalhadas de itinerários e horários no site onibus.info.

As obras na rede de iluminação pública, iniciadas em 26 de dezembro, estão em andamento. A instalação das caixas de concreto, por onde passará a fiação, ocorre nos cruzamentos das ruas conectadas à Ottokar Doerffel, com destaque para as ruas Araçá, Corupá, Paraíba, e Marajó.

Confira o cronograma futuro:

  • 3/1: Bloqueio total da Rua Ottokar Doerffel e Porto União.
  • 4/1: Bloqueio total das ruas Rio Grande do Sul e Ministro Calógeras (cruzamento).
  • 5/1: Bloqueio total da Rua Visconde de Taunay, no trecho de ligação com o início da Ottokar Doerffel, entre 22h e 6h.
Região

Homem fica ferido após coluna de concreto cair sobre carro em Balneário Piçarras

A queda de uma coluna de concreto sobre um carro deixou um homem ferido em Balneário Piçarras, no Litoral Norte de Santa Catarina, na manhã desta quarta-feira (10). O caso ocorreu em um edifício da rua Tatuíra, bairro Itacolomi, por volta das 8h30. A coluna de concreto ficou em cima do veículo gol.

De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar, a vítima foi encontrada presa nas ferragens, inconsciente e com suspeita de Traumatismo Craniano. Após os primeiros socorros, o motorista foi encaminhado ao hospital da cidade para atendimento médico.

Região

Joinville confirma segundo óbito por dengue em 2022

Trata-se de um homem, de 72 anos, com múltiplas comorbidades, morador do bairro Comasa, que faleceu em 18 de abril, na Unidade de Terapia Intensiva de um hospital particular da cidade.

A confirmação se deu após investigação epidemiológica, que foi realizada pela equipe técnica da Vigilância Epidemiológica, com base no histórico de saúde e também no prontuário do paciente e nos exames realizados durante o período de hospitalização.

Desde o início deste ano, Joinville confirmou 4,4 mil casos de dengue, além de ter identificado 4,9 mil focos do mosquito Aedes aegypti. Os bairros com mais casos confirmados são Costa e Silva, Iririú, Jardim Iririú, Comasa e Aventureiro.

De acordo com o Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), a maior parte dos focos do mosquito estão localizados nas residências. Por este motivo, é fundamental evitar o acúmulo de água, acondicionar garrafas com a boca para baixo, colocar areia nos pratos dos vasos e manter as calhas limpas, por exemplo.

No site joinville.sc.gov.br/dengue é possível acompanhar os dados atualizados da doença em Joinville, incluindo o detalhamento dos casos confirmados por idade e localização. Também é possível visualizar a localização dos focos do mosquito mapeados pela equipe da Vigilância Ambiental.

Região

SC registra 109 municípios atingidos pelas chuvas, 445 desalojados e 178 desabrigados

Além do dos 109 municípios com ocorrências relacionadas às chuvas, há registro de dois óbitos no município de São Joaquim, onde uma pessoa permanece desaparecida. São ainda contabilizados 445 desalojados e 178 desabrigados, num total de 30.000 pessoas afetadas, conforme dados informados pelas Coordenadorias Municipais de Proteção e Defesa Civil.

O litoral sul é a área mais afetada. A DCSC recebeu a informação de sete municípios que decretaram situação de emergência. Além de Tubarão, Orleans, Forquilhinhas, Urubici, Maracajá e Araranguá, que já haviam relatado a SE à Defesa Civil, o município de São Joaquim entrou para a lista. Taió ainda deve decretar Situação de Emergência ainda nesta manhã.

Houve ainda significativo aumento dos níveis dos rios, chegando em nível de alerta para inundação nas regiões do Litoral Sul, Planalto Sul (com destaque para a Bacia do Rio Tubarão), Oeste e Meio Oeste.

O Governo do Estado, por meio da Defesa Civil, já iniciou entrega de itens de assistência humanitária no município de Rio do Sul. Foram disponibilizados até o momento 16 colchões de casal, 16 kits de acomodação, 41 colchões de solteiro e 23 cestas básicas de alimentos.

A previsão da DCSC aponta para o afastamento do ciclone para alto mar nesta quinta-feira (05) e o consequente estabelecimento de uma massa de ar frio no Estado. Por conta das chuvas dos últimos dias, permanece o risco alto para deslizamentos e inundações.

Os dados completos podem ser acessados abaixo:

Rel.Inf-No-006.2022-CHUVAS-DE-MAIO
RegiãoVariedades

Vereador é suspenso após apalpar as nádegas de empresária

Senor Anselmini (Progressistas), de 64 anos, foi flagrado em um vídeo colocando a mão direita nas nádegas de uma munícipe.

O caso ocorreu no final do ano passado, durante uma cerimônia natalina. Munícipes que de alguma forma patrocinaram o embelezamento da cidade, foram homenageados, entre os quais, a vítima e seu esposo que são empresários na cidade. Na hora de entregar a lembrança, Anselmini se posicionou entre a mulher e o marido, colocando a mão nas nádegas da munícipe a qual, constrangida, se afasta tirando a mão do vereador. Além do processo no legislativo, o desrespeito também rendeu ao vereador um processo judicial.

Vereador nega

Em sua defesa Senor Anselmini alega ter um problema no ombro direito, o que dificulta o movimento de erguer o braço. Acontece que antes de tocar as nádegas da vítima, ele cumprimenta o esposo da munícipe, sem demonstrar qualquer dificuldade. Também segundo ele, a sua mão pode ter caído até a altura das nádegas pelo tal problema que alega, o que é desmentido pela imagem, que mostra que ele desceu o braço e ficou com a mão na munícipe de forma proposital. Também segundo a vítima e uma testemunha, Anselmini a teria apalpado e beliscado. Eu tive acesso a um vídeo que registrou o ato:

O afastamento

A Câmara de Vereadores de Caibi poderia ter dado exemplo e cassado o mandato de um vereador que, demonstrou total desprezo ao respeito para com a população. Ao importunar sexualmente uma munícipe, Senor Anselmini quebrou o decoro. Ao invés de cassá-lo, valeu o corporativismo da Câmara que optou por suspendê-lo.

Quatro vereadores votaram pelo período máximo de afastamento que é de 15 meses, porém, a maioria, cinco vereadores votaram por afastá-lo pelo prazo de 12 meses. Procurei Anselmini, mas ele não respondeu.

O que me chamou a atenção foi a fala do presidente da Câmara, Jair Di Domenico (MDB). Mesmo votando pelo prazo máximo de afastamento, afirmou não haver provas concretas do ato, apenas o vídeo. Ora, presidente, não há prova maior do que o vídeo que mostra de forma clara o que aconteceu. Como não tem prova?

Região

Companhia Águas de Joinville trabalha em conserto de vazamento na zona Sul

A Companhia Águas de Joinville informa que devido a um vazamento na rua Monsenhor Gercino, próximo ao cruzamento com a rua Thomaz do Amaral, os bairros Paranaguamirim, Jarivatuba, Ulysses Guimarães, Adhemar Garcia, Fátima, Parque Guarani e João Costa, sofrerão interrupção no abastecimento de água nesta terça-feira (3).

Uma equipe técnica trabalha no local e a previsão de restabelecimento do fornecimento é no final da tarde, com normalização ainda na noite de hoje.

Os motoristas que trafegam pela Monsenhor Gercino, na altura do número 4.300, precisam redobrar a atenção. O trânsito sentido bairro centro está sendo desviado pela rua Anna Martins Souza, com apoio dos agentes do Detrans.

Para evitar desabastecimento, a Águas de Joinville reforça a necessidade de caixa-d’água e a importância do consumo consciente. Mais informações pela Central de Atendimento, pelo telefone 115.

RegiãoVariedades

Biblioteca Pública de Joinville volta a promover visitas monitoradas para Escolas e CEIs

A Biblioteca Pública Municipal Prefeito Rolf Colin voltou a promover visitas monitoradas para alunos de Escolas e Centros de Educação Infantil das redes pública e privada de Joinville. A atividade havia sido suspensa devido às regras sanitárias da pandemia da Covid-19.

A visitação é gratuita e tem duração de uma hora. No início, os alunos são recepcionados no hall e informados sobre as regras para entrar em uma biblioteca e como fazer cadastro para realizar empréstimo de livros. Ali também conhecem o marco zero de Joinville, que é o marco geodésico, ponto a partir do qual são calculadas as distâncias de Joinville para todos os outros lugares do mundo.

Em seguida, os alunos visitam todos os setores da Biblioteca Pública de Joinville: a área de pesquisa, o setor de livros em braille, a prateleira de livros raros, e as salas de obras literárias, e conversam com cada monitor. Depois, é hora de relaxar: a contadora de histórias da biblioteca faz uma apresentação a partir de um texto próprio para a faixa etária da turma de visitantes e, no fim, há um momento para os estudantes escolherem um livro do setor infantojuvenil e vivenciarem um momento de leitura.

As visitas monitoradas podem ser feitas nas terças-feiras, no período da tarde, e nas quintas-feiras, no período da manhã. Os agendamentos devem ser feitos pelo e-mail biblioteca.municipal@joinville.sc.gov.br com o coordenador Luciano Antônio Alves, com o título “Agendamento Visita Monitorada” e o nome da Escola ou CEI interessado. A Biblioteca Pública Municipal Prefeito Rolf Colin está localizada na Praça Lauro Muller, com entrada pela rua Comandante Eugênio Lepper, 60, no Centro de Joinville.

EsporteRegiãoVariedades

Joinville sedia etapa nacional do Campeonato Brasileiro de Badminton 2022

Até o dia 1º de maio (domingo), Joinville recebe mais um importante evento esportivo ao sediar a 2ª Etapa do Circuito Nacional de Badminton, evento que integra o Campeonato Brasileiro Interclubes – CBI – CBC 2022.

Ao todo, 411 jogadores, disputarão 674 partidas, nas categorias Sub-11, Sub-13, Sub-15, Sub-17, Sub-19 e Adulto, valendo pontuação para o ranking nacional.

Os atletas são filiados à Confederação Brasileira de Badminton (CBBd) e representam 14 Estados, incluindo Ceará, Maranhão, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Amazonas, Alagoas, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e também Santa Catarina, com integrantes das cidades de Joaçaba, Ibirama, Blumenau, Caçador e Florianópolis.

Os jogos serão realizados no Centreventos Cau Hansen, a partir das 8h30, com entrada gratuita para o público. As provas também serão transmitidas pela internet, pelo canal da CBBd no YouTube (youtube.com/c/tvcbbd).

De acordo com o presidente da Confederação Brasileira de Badminton, Victor Luz Lee, a vinda da etapa nacional do Campeonato Brasileiro Interclubes para Joinville, é reflexo da experiência positiva obtida em 2021, quando a cidade sediou o Campeonato Sul-Americano de Badminton.

“Joinville oferece toda a estrutura que a gente precisa para realizar nossas competições, com o espaço do Centreventos Cau Hansen, o apoio da Secretaria de Esportes e rede hoteleira”, afirma o presidente.

Em outra iniciativa inédita nos torneios realizados pela CBBd, o evento também conta com espaço de food trucks no Expocentro Edmundo Doubrawa, oferecendo mais comodidade para os atletas e para o público que for prestigiar os jogos.

Para o secretário de Esportes de Joinville, André Mattos, um dos objetivos da secretaria é colocar Joinville no cenário nacional de eventos esportivos. Um exemplo é a cidade ter sido sede de outros campeonatos importantes no ano passado.

Sonhos em quadra

Modalidade olímpica crescente no cenário esportivo nacional, o badminton vem conquistando a juventude e formando novos atletas.

Aos 11 anos, Emily Benevides é integrante da Academia de Badminton do Amazonas e veio de Manaus para participar dos jogos em Joinville. Ela pratica badminton há três anos e, até o momento, é a primeira do ranking do Campeonato Brasileiro Interclubes 2022.

Como expectativa para o torneio, ela declara: “Vou ficar muito feliz se chegar ao pódio, não importa se em primeiro, segundo ou terceiro lugar. Aqui tem várias crianças e adolescentes participando e é uma batalha. Não importa qual a cor da medalha, o que importa é dar o melhor de si”.

Para sua companheira de equipe, Kamile de Souza, de 12 anos, a experiência de viajar para participar de um campeonato nacional é uma mistura de sentimentos. E para os jovens que desejam saber mais sobre o esporte, ela dá a dica: “É um esporte que oferece muitas oportunidades. O desafio é manter a calma na quadra”.

Jogando praticamente em casa, o atleta Anthony Delling, de Blumenau, conheceu o badminton em 2017, na escola. Atualmente, aos 17 anos, é campeão estadual e busca uma medalha nacional.

“O badminton é o meu futuro e o meu sonho é representar o meu país em um campeonato internacional, como as Olimpíadas”, idealiza.

Solenidade de abertura

Nesta quinta-feira (28/4), às 14h, no Centreventos Cau Hansen, acontece a solenidade de abertura do Campeonato Brasileiro Interclubes – CBI – CBC, 2ª Etapa do Circuito Nacional de Bandminton 2022.

A 2ª Etapa do Circuito Nacional de Badminton 2022 é realizada pela Confederação Brasileira de Badminton (CBBd), com apoio da Prefeitura de Joinville, por meio da Secretaria de Esportes (Sesporte).

Região

Prefeitura de Joinville inicia obra na via de acesso à Vigorelli

A Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra) está efetuando a demarcação topográfica da via de acesso. Em seguida, começam as obras de melhorias no sistema de drenagem.

Depois desses trabalhos, ocorrerá a requalificação da via, que tem 1.250 metros de extensão. A obra de pavimentação será licitada pela Prefeitura de Joinville.

O projeto de REURB da Vigorelli, iniciado em 2021 pela Secretaria de Habitação, contempla também energia elétrica, água encanada e esgotamento sanitário, entre outras melhorias urbanísticas.

As melhorias em infraestrutura eram aguardadas há anos pela comunidade e o início só foi possível após o fim de um impasse judicial que durou 30 anos e foi resolvido pela Prefeitura e o Tribunal Regional Federal da 4ª Região, com assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta, em junho do ano passado.

O projeto contempla um calçadão, ciclofaixa entre o bairro Vila Cubatão e a Vigorelli, área de lazer, parada de ônibus, centro social, mercado de pescados, sanitário público, estacionamento e trapiche flutuante, onde poderá ter ancoragem de embarcações.

O trabalho está dividido em cinco etapas, previstas para ocorrerem ao longo de 36 meses.

RegiãoVariedades

Escola Municipal de Ballet realiza atividades nesta quarta e quinta-feira, pelo Dia Internacional da Dança

Sexta-feira (29/4) é o Dia Internacional da Dança. E para marcar a data, a Casa da Cultura já está no clima. A Escola Municipal de Ballet preparou uma programação especial para os dias 27 e 28 de abril, quarta e quinta-feira, com atividades para os bailarinos, familiares e aberta ao público em geral. Serão dois horários: das 9h às 11h e das 14h30 às 17h30. A participação no evento é gratuita.

Nos dois dias, haverá apresentação de dança solo com a aluna Giovanna Castellano, aula aberta reunindo os alunos e momento de conto de história sobre ballet de repertório. Também será realizada uma oficina de coque. Para participar, é só levar material próprio como escova/pente, redinha, grampo, elástico, gel, redinha).

“Depois de dois anos com parte das aulas em remoto, realizar esta ação num dia tão simbólico para nós é uma alegria em que todos da Casa da Cultura poderão estar presentes, além do convite para a participação de familiares e da população. Aproxima, gera vínculo, traz motivação e a oportunidade inclusive dos nossos alunos mostrarem seus talentos”, destaca Carlos Alberto Franzoi, gerente da Casa da Cultura. Atualmente, a escola de dança conta com 200 alunos matriculados, entre os cursos de ballet clássico, jazz e sapateado.

Mais Dança: Uma cidade que se movimenta

Joinville tem o título de Capital Nacional da Dança. O título, que antes era simbólico, foi oficializado em 2016 pelo presidente da República, e coloca a cidade em destaque sempre que o tema é a dança e principalmente no dia dedicado à prática. Para comemorar a data, outros espaços culturais também se mobilizam para levar ao público um pouco da beleza dos movimentos e coreografias.