Esporte

De virada, JEC é superado pelo Marcílio Dias na estreia do Campeonato Catarinense

Um jogo decisivo já na estreia do Campeonato Catarinense e quem se deu bem foi o Marcílio Dias na Arena Joinville. Na noite deste sábado (20), o JEC foi derrotado de virada por 3 a 2 pelo Marinheiro, que buscou o resultado no segundo tempo e saiu na frente na briga direta pela vaga na Série D de 2025. Warley e Yuri Mamute marcaram para os donos da casa e Silvio, Juninho Tardelli e Rafinha Rech balançaram a rede para o Marcílio Dias.

JEC é superado na estreia do Catarinense
JEC e Marcílio Dias se enfrentaram na noite deste sábado (20), na Arena Joinville – Foto: Vica Bueno/Divulgação/ND

Com os times tendo o mesmo objetivo e encarando o jogo como uma primeira decisão, o JEC conseguiu entrar mais concentrado e organizado nos primeiros minutos de bola rolando. Mantendo a posse de bola no campo de ataque, o Tricolor conseguia envolver a marcação marcilista para criar jogadas ofensivas que não foram efetivas.

>> Conheça tudo sobre as 12 equipes do Estadual 2024

Mas, o Marcílio Dias conseguiu equilibrar o jogo e começou a avançar para o campo de ataque, levando perigo especialmente nas finalizações de média e longa distância.

Leia também:  No amistoso deu empate entre JEC/Krona e Tubarão

Com a chuva apertando na Arena Joinville e um jogo bastante picado, o equilíbrio prevaleceu em todo o primeiro tempo, mas o roteiro foi alterado já aos 44 minutos.

O capitão marcilista Sandro cometeu falta dura em Muriqui na entrada da área, foi advertido com o cartão amarelo e foi na cobrança de falta que o Tricolor abriu o placar. O camisa 10 Warley bateu forte, rasteiro, tirou da barreira e colocou no cantinho direito do goleiro Belliato, que chegou a tocar na bola, mas viu ela balançar a rede.

Virada do Marcílio Dias na Arena Joinville

As duas equipes não fizeram alterações para o início da segunda etapa, que começou como terminou o primeiro tempo, com equilíbrio e os dois times tentando manter a posse para trabalhar a bola com tranquilidade.

O empate veio aos 8 minutos em belo cabeceio de Silvio após cruzamento de Juninho Tardelli pela direita. O camisa 3 subiu sozinho e com tranquilidade, cabeceou firme para deixar tudo igual.

Aos 17 minutos, a situação complicou para o time da casa. Após uma dividida com Juninho Tardelli, Vitor Leque recebeu o cartão vermelho direto. Alertado pelo quarto árbitro, William Machado Steffen expulsou o jogador tricolor alegando uma cotovelada.

Leia também:  Evento com representantes de 78 escolas abre 23ª edição dos Jogos Estudantis de Joinville

E o Marcílio Dias passou a pressionar o JEC especialmente nas bolas aéreas e teve três boas oportunidades em sequência de chegar ao segundo gol, parando no goleiro Glauco e na trave jonvilense.

De tanto insistir a virada veio, mas não foi na bola aérea. Aos 24 minutos do segundo tempo, a bola ficou viva próxima à área, Juninho Tardelli recebeu, limpou e bateu entre dois marcadores do JEC, a bola ainda desviou, tirou Glauco da jogada e morreu no canto direito do goleiro tricolor.

Já nos acréscimos, o Marcílio Dias sacramentou a vitória. Em belo chute de fora da área, Rafinha Rech, sem marcação, bateu no ângulo para marcar o terceiro gol marcilista.

O JEC ainda conseguiu descontar aos 51 minutos com Yuri Mamute em chute de fora da área, mas não havia mais tempo para buscar o empate e o Tricolor foi derrotado dentro de casa. O JEC volta a campo na quarta-feira (24), às 20h, quando enfrenta o Figueirense em Florianópolis e o Marcílio Dias recebe o Internacional, às 21h30.

Leia também:  JEC/Krona goleia o Atlântico no RS

FICHA TÉCNICA:

JEC x Marcílio Dias – 1ª rodada Campeonato Catarinense

JEC: Glauco, Alisson, Lucas Souza, Diego Renan (Kadu), Lucas Mendes, Evanderson (Lucas de Sá), Bruno Silva, Warley, Vitor Leque, Cachoeira (Yuri Mamute) e Muriqui.Técnico: Fabinho Santos

MARCÍLIO DIAS: Belliato, Victor Guilherme (Felipe Santos), Silvio, Sandro, Felipe Manoel, Rafael Carioca, Alex Oliveira, Marquinhos (Matheus Neris), Zé Eduardo (Rafinha Rech), Juninho Tardelli (Wendel Alex) e Téssio Cajá (Poffo).Técnico: Waguinho Dias

Gols: Warley (JEC/44’1T), Silvio (MAR/8’2T), Juninho Tardelli (MAR/24’2T), Rafinha Rech (MAR/46’2T), Yuri Mamute (JEC/51’2T)

Cartões amarelos: Warley (JOI), Sandro (MAR), Marquinhos (MAR), Bruno Silva (JEC), Victor Guilherme (MAR), Silvio (MAR)

Cartões vermelhos: Vitor Leque (JEC)

Local: Arena Joinville, em Joinville

Data: 20/01/24

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *