Economia

Gigante do plástico de Joinville anuncia compra de duas empresas da cidade

A CIPLA Condor, gigante do plástico de Joinville, no Norte de Santa Catarina, anunciou a compra de outras duas empresas da cidade por um valor milionário. A informação foi anunciada nesta sexta-feira (12).

Gigante do plástico de Joinville pertence ao grupo dono da rede de supermercados Condor
Transação prevê investimento de R$ 30 milhões em dois anos – Foto: Divulgação/ND

De acordo com a assessoria de imprensa do Grupo Zonta, proprietário da CIPLA Condor, a empresa adquiriu a IBT Plásticos e a IBT Moldes, em um investimento de R$ 30 milhões no período de dois anos.

Segundo o Grupo Zonta, a estratégia deve fazer com que a CIPLA Condor cresça 40% a mais em 2024 em relação ao ano anterior. Absorvendo os 100 funcionários das duas empresas adquiridas, a gigante do plástico passará a contar com 350 colaboradores.

“Adquirimos a CIPLA há menos de um ano e, desde então, ela tem comprovado todo o potencial que fez o Grupo Zonta diversificar seus negócios”, afirma o CEO da CIPLA, Robson Fernandes.

Leia também:  Taxa extra na conta de luz deixa de ser cobrada a partir deste sábado

Ainda conforme o CEO da empresa, o objetivo da fusão das operações é maximizar os lucros e aumentar o poder de produção da empresa, transformando a operação dentro da indústria.

De acordo com o comunicado emitido pelo Grupo Zonta, não haverá a descontinuação de nenhum produto das empresas adquiridas. “Esta abordagem reforça nossa determinação em manter e fortalecer os relacionamentos estabelecidos por essas empresas”, completa o CEO.

Gigante do plástico foi adquirida pelo Grupo Zonta no ano passado

A CIPLA foi adquirida pelo Grupo Zonta em 2023, em um leilão realizado no mês de maio. A empresa estava em recuperação judicial desde 2019, e foi comprada pelo grupo dono da rede de supermercados Condor.

Leia também:  Governo federal anuncia fim da tarifa extra para consumidores de energia

Tradicional indústria da cidade, a CIPLA tem 60 anos de história e conta com 900 produtos plásticos para segmentos hospitalar, automotivo e construção civil. Para o ano de 2024, também está previsto o início da operação de uma linha de produção de sacolas plásticas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *