Peixe na Páscoa: diferença de preço em Joinville pode ultrapassar 300% entre estabelecimentos

Pesquisa do Procon mostra o preço dos pescados em sete estabelecimentos diferentes da cidade

A poucos dias da Páscoa, celebrada no próximo dia 17, muitos consumidores de Joinville, no Norte de Santa Catarina, estão à procura de peixes para a Sexta-Feira Santa e do tradicional bacalhau para o domingo.

E uma pesquisa feita pelo Procon mostra que vale a pena pesquisar antes de comprar o pescado: isso porque a variação de preços entre os estabelecimentos pode ultrapassar até 300% na cidade.

Publicidade

O levantamento foi feito em quatro peixarias e três supermercados e verificou os preços de 21 tipos de pescado.

A maior diferença de preço entre os estabelecimentos está relacionada ao bacalhau desfiado: enquanto o produto in natura custa R$ 46,99 em um supermercado, chega a R$ 189,90 em outro, na forma congelada.

Leia também:  Procon de Joinville divulga pesquisas de preço de combustíveis e do gás de cozinha

Além do bacalhau, também se destacam as diferenças no preço da sardinha suja (159%), do camarão médio com casca (151%) e do filé de pescada (116%).

Pesquisa-de-Preços-Pescados-abr2022

A pesquisa foi realizada no dia 11 de abril e os estabelecimentos não são obrigados a manter os preços nos dias seguintes.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui